Clonagem de cartões e senhas bancárias. O que fazer?

Quando houver fraudes em seu cartão e senha, é fundamental adotar os procedimentos descritos abaixo:
1. Ligue imediatamente para o Banco e cancele o cartão. Em seguida, comunique o ocorrido por escrito ao Banco, em duas vias, e exija o “protocolo” de uma via (é preciso carimbar, datar e assinar como tendo recebido o original);
2. Faça Boletim de Ocorrência na Delegacia de Polícia (preferencialmente a que responde pela área de sua agência bancária, senão, aquela que fica próxima à sua residência);
3. Guarde os extratos anteriores à clonagem e tire extratos após a clonagem, para provar o que foi feito em sua conta;
4. Procure se lembrar onde utilizou caixa eletrônico nos últimos dias e
comunique ao Banco;
5. Se a fraude ocorreu pela internet, pare de usar até trocar todas as senhas;
O BANCO RESPONDE OBJETIVAMENTE PELOS DANOS CAUSADOS E DEVE DEVOLVER O DINHEIRO PERDIDO. SOMENTE PODERÁ ESCUSAR-SE NOS CASOS EM QUE ESTIVER PROVADA A RESPONSABILIDADE EXCLUSIVA DO CLIENTE.

PRECAUÇÕES AO USAR A INTERNET – Tenha sempre o cuidado de clicar “SAIR” para que o programa seja efetivamente encerrado e, ainda, entrar na pasta de “FERRAMENTAS”. Nesta pasta, clicar em “OPÇÕES DE INTERNET”. Selecione EXCLUIR todo o histórico de navegação e também as configurações “ARQUIVOS TEMPORÁRIOS”, “SENHAS”, “COOKIES” e ainda “INFORMAÇÕES DE FORMULÁRIO” – porque só assim não permanecem no seu computador
dados de sua conta bancária.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*


*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>